Comissão especial do homicídio de jovens ouve assessora da Anistia Internacional

Por Cenário MT.com.br

A Comissão Especial que trata do Enfrentamento ao Homicídio de Jovens (PL 2438/15) realiza audiência pública nesta terça-feira (7) para ouvir a assessora de Direitos Humanos da Anistia Internacional no Brasil, Renata Neder. A audiência será realizada atendendo a requerimento do deputado Reginaldo Lopes (PT-MG), presidente da comissão. Ele lembra que a Anistia Internacional é um movimento global com mais de 3 milhões de apoiadores, que realiza ações e campanhas para que os direitos humanos sejam reconhecidos, respeitados e protegidos internacionalmente.

anistia_internacional_58mil_homicidios_ano

Continuar lendo

Anistia Internacional lança Campanha Jovem Negro Vivo

Em 2012, 56.000 pessoas foram assassinadas no Brasil. Destas, 30.000 são jovens entre 15 a 29 anos e, desse total, 77% são negros. A maioria dos homicídios é praticado por armas de fogo, e menos de 8% dos casos chegam a ser julgados. Apesar dos altíssimos índices de homicídio de jovens negros, o tema é em geral tratado com indiferença na agenda pública nacional. As consequências do preconceito e dos estereótipos negativos associados a estes jovens e aos territórios das favelas e das periferias devem ser amplamente debatidas e repudiadas. Com o objetivo de mobilizar a sociedade e romper com a indiferença, a Anistia Internacional Brasil lança a campanha Jovem Negro Vivo. Saiba como participar!

Anistia Internacional Brasil - Campanha Jovem Negro Vivo

Continuar lendo