Medalhista de ouro, Robson Conceição critica redução da maioridade penal: ‘Não acho justo punir crianças’

Por Ana Beatriz Rosa, do HuffPost Brasil


robson boxe

Robson Conceição venceu uma das lutas mais importantes da sua vida e não foi nos ringues. Vindo de uma infância pobre nas ruas de Salvador, sua cidade natal, o atleta disse que o boxe salvou a sua vida por conta da violência e das mortes que faziam parte de seu cotidiano.

Continuar lendo

Anúncios

‘Cada corrupto que se dá bem é um moleque da minha quebrada assassinado’, diz Criolo

Por Thiago Guimarães, BBC Brasil

Nos labirintos da lendária casa de shows Koko, em Londres, Criolo aparenta cansaço ao chegar para a entrevista. Aquele domingo chuvoso era o quarto dia seguido de shows em uma rápida turnê pela Inglaterra.  O repórter teme uma conversa morna pela frente, mas a impressão logo se mostraria errada. Em papo com a BBC Brasil – e no palco em seguida –, o rapper e compositor expôs sua visão sobre a crise no país.

“O que acontece hoje é que algumas pessoas extremamente inteligentes têm em suas mãos um regimento e sabem mexer com esse regimento. Sabem cada espaço, cada fresta, e ali vão criando seu império. E são capazes de tudo para proteger seus interesses, até parar o país e fazer com que as pessoas se matem na rua”, diz ele, em referência ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

criolo1_640x360_divulgacao

Para Criolo, ambiente de rancor no Brasil impulsionado pela crise política é “chuva de ódio” que fortalece racismo e homofobia. Foto: Divulgação

Continuar lendo

Memórias do cinema amazonense: “Criminosos” e sua narrativa atemporal

Por , Cineset

Em 2008, o curta-metragem Criminosos ganhava o Prêmio do Público como Curta-Metragem 35mm na edição do Amazonas Film Festival. Dirigido pelo então produtor executivo da Secretaria de Cultura do Amazonas, Sérgio Andrade, o curta-metragem é um filme de ficção que relata a rede de conexões de uma comunidade e sua reflexão sobre questões da criminalidade urbana a partir da morte de um menino. O Cine Set conversou com o diretor e o roteirista, Emerson Medina, sobre as impressões do filme, desde a formulação do projeto até as participações nos festivais de cinema.

Filme Criminosos

Continuar lendo

Ministério da Justiça não vai trabalhar contra redução da maioridade penal

Por Guilherme Amado, O Globo

O governo Michel Temer decidiu que não vai, a princípio, se envolver nem a favor nem contra projetos da bancada da bala que tramitam no Congresso — entre eles, a redução da maioridade penal, por exemplo. Alexandre de Moraes já desarticulou no Ministério da Justiça uma parte da Secretaria de Assuntos Legislativos incumbida de acompanhar no Congresso esses projetos.

No governo Dilma, essa era uma das mais atuantes equipes da Secretaria de Assuntos Legislativos, empenhada em aprovar projetos como que acabava com o termo “auto de resistência” para se referir a homicídio decorrente da ação policial e para derrubar outros, como a redução da maioridade penal.

jovem-detento

Foto: André Coelho, Agência O Globo

Comissão discute quarta PEC que reduz maioridade penal

Por Ascom da Associação Nacional de Defensores Públicos (ANADEP)

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado debaterá na próxima quarta-feira (1) a PEC 33/2012. De autoria do senador Aloysio Nunes (PSDB/SP), a proposta abre a possibilidade de penalização de menores de 18 anos e maiores de 16 anos pela prática de crimes graves. A ANADEP reforça que trabalhará firmemente no Senado apresentando dados sobre o risco de aprovação da matéria. Para a Associação Nacional, a PEC  é discriminatória e vai atingir, em sua maioria, jovens negros e pobres.

Continuar lendo

Comissão discute hoje alto número de homicídios de jovens no Brasil

Via Agência Câmara de Notícias e Jus Brasil 

A Comissão Especial sobre o Enfrentamento ao Homicídio de Jovens (PL 2438/15) realiza audiência pública hoje. O debate foi solicitado pelo presidente do colegiado, deputado Reginaldo Lopes (PT-MG), para discutir os resultados do Atlas da Violência 2016, que mostra que o Brasil tem o maior número absoluto de homicídios no mundo. O estudo, divulgado em março, foi desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Econômica aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

“O estudo revelou que o Brasil atingiu a marca recorde de 59.627 mil homicídios em 2014, uma alta de 21,9% em comparação aos 48.909 óbitos registrados em 2003, sendo as principais vítimas jovens negros e com baixa escolaridade”, destacou o deputado.

 

Continuar lendo

Mapa da Violência 2016 mostra recorde de homicídios no Brasil País ultrapassou a marca de 59,5 mil mortes violentas em 2014

Por Gabriel Oliveira, O Globo

O Brasil atingiu a marca recorde de 59.627 mil homicídios em 2014, uma alta de 21,9% em comparação aos 48.909 óbitos registrados em 2003. A média de 29,1 para cada grupo de 100 mil habitantes também é a maior já registrada na história do país, e representa uma alta de 10% em comparação à média de 26,5 registrada em 2004. É o que Atlas da Violência 2016, estudo desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Econômica aplicada (IPEA) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FPSP), divulgado nesta terça-feira. A pesquisa ainda revela que jovens negros e com baixa escolaridade são as principais vítimas. No mundo, os homicídios representam cerca de 10% de todas as mortes no mundo, e, em números absolutos, o Brasil lidera a lista desse tipo de crime. (Estudo aqui)

 

mapa_violencia_2016

Mapa revela que regiões Nordeste e Norte apresentaram maior crescimento de homicídios entre 2004 e 2014 – Divulgação / IBGE

 

Continuar lendo