Coronel se diz contrário à redução da maioridade penal e pede endurecimento do sistema

Por Redação, Paraiba.com.br

O comandante da Polícia Militar da Paraíba, coronel Euller Chaves, taxou de simplista o discurso sobre a redução da maioridade penal no Brasil e destacou que não acredita que esta seja uma solução para a violência.  Em entrevista ao programa Rádio Verdade da Arapuan FM, na segunda (6), o coronel afirmou que acredita que essa medida não vai resolver e que é preciso um conjunto de ações começar “pelo inverso”. Para ele, o governo federal deveria pactuar com as unidades federativas e rever o contexto da execução penal, estrutural e legislação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

“É preciso ter um olhar não no menor, mas no crime. Os crimes são cometidos através de qual objeto? a arma de fogo é lógico”, afirmou o coronel, lembrando que em 2011 foi estabelecido o pagamento de fiança para o porte ilegal de arma de fogo. Para Chaves, isso facilita a vida dos criminosos.

Cel. Euller se diz contrário à redução da maioridade penal e pede endurecimento do sistema

Foto:Marcos Weric

Continuar lendo